Programa social para empreendimentos do “Minha Casa, Minha Vida” é lançado em Caucaia

0

O programa promoverá um ano de atividades na comunidade

A Prefeitura de Caucaia lançou nesta quarta-feira (25/9) o Trabalho Técnico Social para empreendimentos do programa federal “Minha Casa, Minha Vida”. A cerimônia aconteceu na comunidade da Jandaiguaba. Trata-se de iniciativa inédita da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Ambiental (Seplam).

O objetivo das ações é entender o cumprimento da organização comunitária para fortalecer vínculos familiares e coletivos, além de preservar o meio ambiente e garantir a destinação correta dos resíduos sólidos.

Titular da Seplam, Daniel Cavalcante explica que os trabalhos serão executados em várias etapas. “O dinheiro estava disponível há oito anos e conseguimos licitar o projeto. Agora vamos ouvir os anseios e as reclamações dos moradores para sabermos o que a população está precisando”, detalhou o secretário.

O Residencial Jandaiguaba, onde o trabalho será realizado, reúne 1.500 pessoas. Muitas famílias têm renda de um a três salários mínimos e/ou estão inseridas no mercado informal e/ou são beneficiárias do programa federal Bolsa Família.

Daniela Lira, coordenadora social da Diagonal Empreendimentos, empresa que realizará os trabalhos, destacou a importância da participação popular para a eficácia do trabalho. “Queremos contar muito com a comunidade e vamos construir ações importantes para que a comunidade possa trabalhar.”

Rai Camelo, gerente da agência do Banco do Brasil de Caucaia, destacou: “Vamos atuar como agentes fomentadores do desenvolvimento. Já existem projetos na comunidade. O banco atuará junto com Prefeitura para desenvolver projetos com o objetivo de fomentar a economia local.”

Dona Maria Helena ficou feliz em saber que agora poderá contar com apoio do trabalho social. “Somos mais de 360 famílias e agora teremos oportunidade de um curso profissionalizante, por exemplo. Vamos ampliar a renda e desenvolver a cultura, esporte e o lazer.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here