Encontro em Fortaleza discute investimentos do Novo Banco de Desenvolvimento (NBD) na Região Nordeste

0

A intenção do evento é promover o financiamento de investimentos em infraestrutura e projetos de desenvolvimento sustentável no Brasil, em particular na região Nordeste

O Governo do Ceará sedia, nesta terça-feira (30), o Seminário “O Brasil e a Estratégia do Novo Banco de Desenvolvimento (NBD) – Desafios na Região Nordeste”. O seminário começa a partir das 10 e meia da manhã, no Palácio da Abolição.

O NBD foi criado em 2014, pelo bloco Econômico Brasil, Russia, Índia e África do Sul (BRICS) e tem objetivo financiar projetos econômicos desses países. O encontro celebra os cinco anos do acordo.

A vice-governadora do Ceará, Izolda Cela; o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio; e o vice-presidente do NDB, J.B Sarquis; e o secretário de Assuntos Econômicos Internacionais do Ministério da Economia, Erivaldo Alfredo Gomes, devem participar da abertura do evento, que vai contar com representantes dos demais estados nordestinos.

O assessor especial de Assuntos Internacionais do Governo do Ceará, César Ribeiro, destaca a importância do encontro para o Governo do Ceará na liderança de importantes projetos para desenvolver o Nordeste.

Sobre o NDB, o Banco dos BRICS

O acordo que criou o NDB, o banco dos BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) – nome do bloco econômico de países considerados “emergentes”, foi assinado na Cúpula de Fortaleza, em 15 de julho de 2014, e entrou em vigor no dia 3 de julho de 2015. A sede do banco é em Xangai, na China.

O NDB visa a prestar apoio financeiro a projetos de infraestrutura e desenvolvimento sustentável, públicos ou privados, nos países do BRICS e em outras economias emergentes e países em desenvolvimento. O capital subscrito inicial do banco é de US$ 50 bilhões, havendo autorização para chegar a US$ 100 bilhões.

Informação ASCOM/CE.GOV.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here