Consulta ao 2º lote de restituição do IR 2019 começa nesta segunda

0

Confira a data de pagamento de cada um dos próximos lotes que estão programados pela Receita Federal para o dinheiro cair na sua conta

A Receita Federal vai liberar amanhã a consulta ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda 2019. O acesso ao site do Fisco deve ser feito a partir de 9 horas de segunda-feira (8). Já o pagamento de R$ 5 bilhões para 3.164.229 contribuintes será realizado em 15 de julho.

Pouco menos de metade do total, R$ 2,36 bilhões, irá para contribuintes idosos acima de 60 anos, contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, e contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Se você entregou a declaração do imposto de renda nos últimos dias de prazo e vai demorar a receber a restituição, não precisa ficar triste.

O valor a que você tem direito será corrigido pela variação da taxa básica de juros, a Selic, pelo período que você esperar – e sem impostos.

Quem receber no segundo lote, por exemplo, terá o valor da restituição corrigido em 2,01%, correspondente ao período de maio a julho.

Veja as datas de pagamento dos lotes de restituição do imposto de renda:

Só cuidado para não sair gastando por conta o dinheiro que espera receber. Você ainda não sabe em qual lote irá receber, mesmo que não esteja na malha fina.

Quem não for contemplado nesse segundo lote pode pesquisar no site da Receita a situação da sua declaração.

Não entende o que significa a mensagem que aparece?

  • Em processamento – A declaração foi recebida, mas o processamento ainda não foi concluído.
  • Em fila de restituição – O documento foi processado, mas o valor ainda não foi disponibilizado no banco. Lembrando que para receber a restituição, o contribuinte não pode ter pendências de débitos na Receita Federal ou na Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN).
  • Processada – A declaração foi recebida e teve seu processamento concluído. Atenção: isso, no entanto, não significa que o resultado tenha sido homologado, já que, pela lei, ele pode ser revisto em até cinco anos.
  • Com pendências – Durante o processamento da declaração, a Receita encontrou pendências de informações. O contribuinte deve regularizá-las.
  • Em análise – A declaração foi recebida e está na base de dados da Receita, que aguarda a apresentação dos documentos solicitados ao contribuinte ou ainda não terminou a análise dos documentos entregues.
  • Retificada – A declaração anterior foi substituída integralmente pela declaração retificadora apresentada pelo contribuinte.
  • Cancelada – A declaração foi cancelada por decisão da Receita ou solicitação do contribuinte.
  • Tratamento manual – A declaração está sendo analisada e o contribuinte deve aguardar uma correspondência da Receita.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here